Carta da SBC – Alerta sobre cursos de pós-graduação não oficiais

Carta da SBC – Alerta sobre cursos de pós-graduação não oficiais

Prezados colegas médicos,

A Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA) prima e zela pela formação de médicos anestesiologistas através de seus Centros de Ensino e Treinamento (CETs) tendo critérios teóricos, práticos e da assistência aos pacientes muito bem estabelecidos. Em convênio com a Associação Médica Brasileira (AMB), convênio este aprovado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), emite o Titulo de Especialista em Anestesiologia (TEA), àqueles que concluem e cumprem todos os requisitos de acordo com Edital específico, que é elaborado pela SBA com base no Regulamento do Titulo de Especialista em Anestesiologia, e encaminhado para aprovação da AMB. Por outro lado, a Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) também estruturou um PRM – Programa de Residência Médica em Anestesiologia que estabelece um outro caminho para a formação em Anestesiologia.

Estes são os caminhos legais e oficiais para a formação de médicos anestesiologistas estabelecidos em nosso país. Portanto a nossa recomendação, aos interessados na nossa especialidade, é de utilização dos caminhos definidos pelas instâncias reguladoras da formação, que com certeza, trazem uma maior assertividade na decisão de tornar-se um especialista. E a todos àqueles que buscam estes cursos de formação, reiteramos que a SBA conta, atualmente, com 109 Centros de Ensino e Treinamento credenciados em todo o Brasil, além de dezenas de programas ligados à CNRM, com direito a bolsa, auxílio moradia, dentre outros benefícios. Portanto este nos parece o melhor caminho para uma formação que busque uma qualificação forma.

Outrossim, a atividade didática de médicos anestesiologistas vinculados à SBA em cursos não reconhecidos pela SBA, AMB e / ou CNRM fica a critério de decisão pessoal. Entretanto, a SBA se reserva o direito de denunciar aos órgãos competentes, programas que estejam fora das normas legais.

Diretoria SBA